Construtora Zagonel: A harmonia familiar evita conflitos

Fundada em 1977, a Construtora Zagonel vem há quase 40 anos evoluindo e hoje está plenamente capacitada a realizar obras de grande complexidade técnica e a construir residências que privilegiam o bem-estar das pessoas.

A empresa expandiu-se para a região Centro-Oeste do Brasil através da filial na cidade de Chapadão do Sul, no estado de Mato Grosso do Sul.

Certificada ISO 9001, também possui o selo do Programa Brasileiro de Qualidade e Produtividade no Habitat (PBQP-H) Nível A e troféu de bronze do Programa Gaúcho de Qualidade e Produtividade (PGQP).

A Construtora Zagonel tem a preocupação socioambiental como uma constante, motivo pelo qual estimula ações de colaboradores buscando o bem-estar social, tanto no ambiente interno quanto no externo. Todas essas ações integram o programa Evoluir Z, que foi reconhecido, no ano de 2012, com o primeiro lugar no Prêmio Sesi de Qualidade no Trabalho em nível estadual.

O fundador, José Zagonel, e seu filho Jean Zagonel, entregam imóvel a um comprador

Um dos grandes responsáveis por todas essas conquistas é o fundador, José Zagonel, que continua em plena atividade, administrando a empresa com seus quatro filhos (Diego, Giovani, Jean e Joni).

Jean, um dos herdeiros, está na Zagonel desde os 12 anos de idade, tendo começado como office-boy. Atualmente diretor comercial, é formado em Comércio Exterior com pós-graduação em Marketing. Ele afirma que “a experiência de começar tão cedo na empresa foi muito importante para o crescimento profissional e pessoal”.

Aos 29 anos de idade, Jean explica que para atuar numa empresa familiar é necessário saber manter o equilíbrio. “Existem os dois lados da balança, que são o familiar e o profissional, e os dois têm de estar em harmonia para não haver conflitos”.

 A consultoria

Jean Zagonel: “Começar cedo foi importante. Hoje tenho uma visão geral da empresa”.

Para manter uma gestão profissional, uma consultoria de empresas familiares foi contratada e o trabalho feito na empresa foi muito importante, segundo Jean.

“O trabalho do consultor abriu nossos olhos para coisas às quais muitas vezes não prestávamos atenção, como ter um organograma, uma melhor estrutura organizacional e outras ferramentas de gestão.

Atualmente, estamos em fase final da implantação dos ajustes sugeridos pela consultoria. Para nós foi superválido”, finaliza Jean Zagonel.