Ricca & Associados

O negócio de aviação da Prevent Senior que cresceu 500% na pandemia

Após demanda explodir na pandemia, a Air Jet, empresa de táxi aéreo focada em transporte de pacientes, planeja investir R$ 150 milhões em aeronaves.

O grupo que controla a operadora de planos de saúde Prevent Senior possui um negócio de aviação cuja demanda explodiu com a pandemia. Trata-se da Air Jet, empresa de táxi aéreo especializada em voos aeromédicos.

Com a pandemia do novo coronavírus, a Air Jet viu a demanda por suas UTIs aéreas crescer 546%, e ampliou a oferta do serviço para terceiros. De acordo com o presidente da Prevent Senior, Fernando Parrillo, 68% dos voos realizados pela companhia nos últimos meses atenderam a outras empresas ou particulares. O serviço é gratuito para beneficiários da Prevent Senior, que tem foco no público idoso.

Dos pacientes transportados na pandemia, 80% eram pessoas com a covid-19. Para transportar esses pacientes, a empresa comprou macas especiais que permitem o total isolamento dos doentes em uma espécie de bolha.

A Air Jet possui hoje três helicópteros, dois aviões adaptados, além de oito aeronaves executivas. Dois dos helicópteros foram usados no socorro após o desastre da barragem da Vale em Brumadinho (MG). A companhia já encomendou outros dois helicópteros modelo H 145 D3, da Airbus, que estão em fabricação e custam 10 milhões de dólares cada.

 

Saiba mais através do link: https://exame.com/negocios/o-negocio-de-aviacao-da-prevent-senior-que-cresceu-500-na-pandemia/